Urgente: EUA exigem que Rússia encerre consulados em território americano.

Consulado da Rússia em São Francisco será fechado
Comunicado foi enviado ao Ministério das Relações Exteriores russo  
O clima é tenso entre os EUA e a Rússia. O Departamento de Estado disse que os EUA exigem que a Rússia encerre seu consulado em São Francisco e nos dois edifícios anexos em Washington, DC e Nova York, em resposta à decisão do Kremlin de encolher a missão diplomática dos EUA na Rússia.
No mês passado, Moscou ordenou aos EUA que iria cortar sua equipe diplomática e técnica na Rússia por mais de metade, para 455 pessoas, depois que o Congresso aprovou esmagadoramente novas sanções contra a Rússia.
A porta-voz do Departamento de Estado, Heather Nauert, disse em um comunicado: "Acreditamos que esta ação foi injustificada e prejudicial para a relação geral entre nossos países".
“No espírito de paridade invocado pelos russos, exigimos que o governo russo encerre seu Consulado Geral em São Francisco, um anexo de chancelaria em Washington, DC, e um anexo consular na cidade de Nova York. Estes fechamentos precisarão ser realizados no dia 2 de setembro".
O secretário de Estado dos EUA, Rex Tillerson, falou com o ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergey Lavrov. Lavrov expressou seu pesar pela "escalada da tensão" em relação ao edifício consular.
O Ministério das Relações Exteriores da Rússia disse em um comunicado: "Moscou estudará de perto as novas medidas anunciadas pelos americanos, após o que nossa reação será transmitida". 
Donald Trump revida à retaliação da Rússia 
Para lidar com a redução do pessoal na Rússia, os EUA disseram na semana passada que teria que reduzir consideravelmente os serviços de vistos, um movimento que atingirá viajantes de negócios, turistas e estudantes russos.
O consulado russo em San Francisco lida com o trabalho de sete estados do oeste dos Estados Unidos. Há outros três consulados russos separados da embaixada em Washington. Eles estão em Nova York, Seattle e Houston.
A Rússia está atualmente se preparando para realizar exercícios militares de grande escala, que alega ser de natureza puramente defensiva, em meio a preocupações de uma possível invasão.
Um total de cerca de 12.700 militares participarão nos jogos de guerra, código chamado Zapad 2017, que será realizado nos dias 14 e 20 de setembro no oeste da Rússia, na Bielorrússia e no deserto de Kaliningrado na Rússia. Estes incluirão cerca de 5.500 soldados russos.
Walther Alvarenga

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.