Furacão muda rota de viagem do Papa Francisco à Colômbia

Papa Francisco viaja na quinta-feira para a Colômbia
Por segurança, Vaticano pediu que escala fosse alterada.

Com a preocupação do Vaticano quanto à segurança do Papa Francisco, o avião que levará o Pontífice nesta quinta-feira até Bogotá, na Colômbia – saindo da Itália - vai modificar a sua rota. Isso para evitar o furacão Irma, de categoria 5 e que está atualmente sobre as Caraíbas, informou a assessoria de imprensa papal.

O voo da companhia aérea Alitalia deverá sair por volta das 11 horas (hora local), do aeroporto romano de Fiumicino.

A bordo vão estar, além do papa Francisco, cerca de 20 pessoas que integram a sua comitiva e 71 jornalistas. A chegada à capital colombiana estava prevista para as 16.30 horas.

Em Miami a corrida ao supermercado para se precaver do Furacão Irma  
Durante a sua estada na Colômbia até 10 de setembro, o Papa Francisco vai visitar Bogotá, Villavicencio, Medellín e Cartagena de Índias.

O furacão Irma já tocou nesta quarta-feira a ilha de Barbuda, nas Caraíbas, segundo o Centro de Furacões dos Estados Unidos.

O "olho" do ciclone passou sobre Barbuda pelas 2 horas, acompanhado por ventos que chegaram aos 295 quilômetros por hora, indicou.

O Centro de Furacões dos Estados Unidos (NHC, sigla em inglês) mantém o Irma em categoria 5, o nível mais elevado de classificação de furacões.

O furacão encaminha-se agora na direção de Porto Rico, República Dominicana, Haiti e Cuba, sendo esperado na Florida no fim de semana.

Walther Alvarenga


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.