Reino Unido teme isolamento com fim do Brexit em março de 2019


Britânicos temem saída do pais da UE
29 de março de 2019 termina o período de permanência na UE

O raciocínio que levou à vitória apertada de Brexit no referendo de 23 junho de 2016 continha expectativas falsas, diria, drásticas. Exemplo? Porque a Grã-Bretanha teria vantagens ao abandonar a União Europeia, além de que, o país seria invadido por imigrantes europeus se as fronteiras não fossem bloqueadas.

As supostas melhorias fizeram com que os britânicos agissem impensadamente, votando a favor da saída do Reino Unido da União Europeia, cometendo um erro de estratégia, que hoje aponta para consequências irreversíveis, incluindo ameaça na Economia, e o isolamento no bloco europeu.

Primeira-ministra Theresa May defende a saída da UE

E o confuso debate que acompanhou a votação a favor do Brexit, um grande número de opiniões claramente enganosas também circularam, mas encontraram muitos adeptos.

A atual prosperidade europeia baseia-se na utilização maciça de interconexões econômicas, tanto na Europa como no resto do mundo. Se a pobreza e as desigualdades que ainda afetam países, incluindo a Grã-Bretanha, exigem-se intervenções adequadas e medidas políticas isolar-se representa um tiro no pé.


Independentemente dos laços econômicos e do comércio com a Europa, o Reino Unido é hoje signatário de um grande número de acordos globais como membro da UE, e não será fácil reconstruir tal rede de acordos e colaborações.

Os defensores do chamado "Brexit duro", ou um Brexit, mesmo sem acordos com a Europa, às vezes respondem a tais solicitações, argumentando que a Grã-Bretanha certamente manterá interconexões econômicas - tanto com a Europa quanto através de Europa - mesmo de fora da UE.

Opiniões se dividem no Reino Unido e um suposto novo referendo para consultar de vez a saída ou não do país da EU está definitivamente descartado. “Não há como recuar de uma decisão tomada”, é o que argumenta a primeira-ministra Theresa May.

Portanto, no dia 29 de março de 2019 o Reino Unido termina o seu período de permanência na UE às 23 horas (horário de Londres) e entra num período de transição. Para os britânicos. contrários ao Brexit, será o início de um pesadelo sem retorno. 


Walther Alvarenga

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.