O Mundo Emigrante passa por aqui!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Que disse que mulher não pilota Boeing 777? Conheça a piloto Anny Divya.


Anny Divya tem 30 anos e pilota Boeing 777


Ela é a única piloto mulher no mundo no comando de Boeing

Quem foi que disse que mulheres não pilotam um Boeing 777, tomados de passageiros: Esse mito caiu por terra desde que a piloto Anny Divya, assumiu essa função na companhia aérea “Air índia”, na Índia, e vem se saindo muito bem. Ela tem 30 anos, é indiana e é a piloto mais jovem no mundo, que surpreende a todos quando fala de sua profissão.   
Anny se tornou famosa e muito comentada não apenas por ocupar função até então restrita ao universo masculino, mas por sua simpatia e atenção com os passageiros.
"Desde muito jovem, quando eu costumava olhar para o céu, eu sempre quis tocar e voar pelas nuvens", diz ela. "Mas foi só depois que minha mãe disse que eu deveria me tornar piloto é que eu comecei a perceber que o meu sonho era possível".

Anny frequentou a escola de voo na “Indira Gandhi Rashtriya Uran Akademi”, quando tinha apenas 17 anos, ganhando uma bolsa de estudos e completando seu treinamento aos 19 anos. Então ela se mudou para Mumbai, onde conseguiu um emprego na “Air Índia”.

Imagine essa máquina pilotada por uma jovem indiana

"Foi difícil se adaptar, deixar meus pais e sair da minha zona de conforto", admite. "Aprender inglês e se comunicar com meus colegas era uma luta. Mas o tempo e a perseverança ensinam tudo a você. Então agradeço as pessoas com quem aprendo todos os dias”, relata a piloto.
Anny gradualmente escalou as fileiras na “Air índia”, eventualmente completando treinamento avançado em Londres, onde foi a primeira mulher a pilotar um Boeing 777.

"Voar é uma profissão onde é melhor ser bom no que você faz", observa ela. “A  vida das pessoas depende de você”, ressalta.

Indagada do que é preciso para ser boa piloto, Anny disse que: “Além de ter uma boa cabeça para matemática e física, você precisa de boas habilidades motoras, consciência situacional, habilidades de comunicação e habilidades de multitarefa, explica Anny.


Walther Alvarenga

Nenhum comentário