O Mundo Emigrante passa por aqui!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Brasileiros escondidos no porta-malas são presos tentando entrar nos EUA

Polícia de fronteira prende brasileiros escondidos no porta-malas
Brasileiros descobertos por cães farejadores na fronteira do México com Texas
O sonho de entrar nos EUA às vezes torna-se um caminho sombrio para pessoas que tentam burlar as leis do país, buscando por alternativas que podem gerar em prisões ou situações de risco. E nesse âmbito de ilegalidade há muitas controvérsias, como foi o caso envolvendo brasileiros indocumentados.
Auxiliado por dois adolescentes beneficiados pelo DACA (Deferred Action for Childhood Arrivals) - programa que protege jovens que chegaram aos EUA ainda crianças, acompanhado dos pais -, a polícia de fronteira prendeu brasileiros que estavam escondidos no porta-malas tentando entrar clandestinamente em território americano.
Os Dreamers, da Guatemala, que transportavam os brasileiros clandestinos, na fronteira do México com o Texas, além de outro estrangeiro, foram detidos pelo Departamento de Segurança Nacional (DHS), que emitiu um comunicado relatando o fato, apontado como tráfico de estrangeiros.   
Entenda o fato -  Agentes da Patrulha da Fronteira (CBP), realizavam uma uma blitz na Interstate Highway 35, quando pararam o motorista de um carro que vinha da fronteira do México. Foi feita vistoria rigorosa no veículo, quando cães farejadores alertaram para a presença de drogas ou pessoas no porta-malas.   
Surpreendentemente, os policiais descobriram dois indivíduos no porta-malas, e verificaram que ambos eram do Brasil. Todos os envolvidos foram autuados e encaminhados para o processo de deportação.
Três dias depois, o fato se repetiu, no mesmo local, com outro adolescente no volante. Os patrulheiros prenderam o adolescente e um indivíduo estrangeiro escondido no porta-malas.
Os dois motoristas adolescentes, juntamente com os “passageiros” clandestinos foram postos em processo de deportação.
Tudo ocorre em um momento delicado para os jovens beneficiados pelo DACA – suspenso por Donald Trump -, mas que está em debate no Congresso americano para definir o futuro de 800 mil jovens fasvorecidos pelo programa assinado pelo presidente Barack Obama.

Walther Alvarenga

Nenhum comentário