O Mundo Emigrante passa por aqui!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Furacão Ophelia: focos de incêndio em Portugal e Irlanda provocam o caos.


 
Açores invadida pelo furacão Ophelia. Ventos de até 130 km/hora.
As cenas de terror têm com corpos carbonizados e regiões devastadas

O furacão Ophelia continua provocando estragos, fazendo vítimas por onde passa. A tempestade tropical que virou furacão nas costas europeias aumentou a temperatura em Portugal, provocando incêndios, com pelo menos 31 mortos.

O furacão Ophelia seguiu em direção à Irlanda, com ventos fortes, de até 130 km/hora, destruindo o telhado do tradicional estádio irlandês, Cork. Ainda na Irlanda, mais de 200 mil casas permanecem sem eletricidade. 

Na Irlanda furacão derrubou telhado do estádio Cork
Para os meteorologistas é a pior tempestade nos últimos 50 anos. Toda a península é investida por ventos até 130 quilômetros por hora que alimentaram incêndios. Trágico é o número de mortos em Portugal, onde há 31 mortos; outras 4 vítimas de fogo na Espanha, onde a região mais afetada é a Galiza. 

A proteção civil de Portugal está no mais alto estado de alerta: os ventos causados ​​pelo furacão de Ophelia, esclarecem as autoridades, alimentaram incêndios que já estavam em vigor devido às altas temperaturas e quase certamente às causas humanas. 

Na Galiza, na região atlântica de Espanha, há quatro feridos, mas dois corpos foram encontrados carbonizados dentro de um carro perto de Nigran. Os incêndios na região vêm ganhando proporções assustadoras com a alta temperatura.

Incêndio na Espanha deixa mortos e feridos
Mesmo na Irlanda, o aeroporto de Dublin foi forçado a cancelar 130 vôos. A proteção civil aconselhou os residentes das áreas afetadas a manter as janelas fechadas e sair de casa somente se necessário. Escolas, tribunais e escritórios públicos já foram fechados por ordem do governo.

Ondas gigantes anunciam chegada do furacão Ophelia 
O serviço meteorológico irlandês elevou o alerta laranja ao vermelho, o mais alto, em todo o país.  O Centro de Furacões dos EUA prevê que o furacão Ophelia pode transportar chuvas da Irlanda para a Escócia, com inundações e ondas "altas e destrutivas". 

O alarme também foi divulgado pela Grã-Bretanha para a Irlanda do Norte, que faz parte do Reino Unido. Possíveis apagões elétricos, perigo de objetos voadores, interrupções no transporte e sinais telefônicos. Os ventos fortes também afetarão o País de Gales e a Inglaterra.

Walther Alvarenga


Nenhum comentário