O Mundo Emigrante passa por aqui!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Incrível: Adolescente morre no Texas e é trazido de volta à vida por Jesus Cristo.

Zack Clements viu Jesus que o confortou antes de voltar à vida
O relato do adolescente Zack Clements impressiona médicos e os céticos
O adolescente Zack Clements, de 17 anos, da cidade de Brownwood, no Texas,  que esteve clinicamente morto por 20 minutos, afirma que viu Jesus Cristo antes de voltar a viver. Ele teve parada cardíaca, ficando sem vida durante 20 minutos, segundo os médicos que o atenderam.
Zack estava na escola, em plena atividade física, quando subitamente sentiu-se mal e desmaiou na aula de ginástica, assustando os professores e colegas. Ele foi  imediatamente levado para o hospital.
 Zack Clements, de 17 anos, descreve encontro com Jesus Cristo.  
Os médicos trabalharam muito para revivê-lo de sua parada cardíaca, que durou 20 surpreendentes minutos, e quando estavam prestes a desistir e anunciar a sua morte à família, o pulso de Clements de repente voltou.

O jovem de 17 anos, sob cuidados intensivos, acordou dias depois e contou sua história de como ele conheceu Jesus, quando esteve do outro lado.

Clements , durante entrevista à CBS Dallas-Fort Worth, disse: "Quando eu estive fora do meu corpo durante esses 20 minutos, vi um homem que tinha cabelos longos e com uma barba grossa e não demorou muito para perceber que era Jesus”, relata.

“Eu fui até ele e ele colocou a mão no meu ombro e me disse que tudo ficaria bem, e que eu não preocupasse".

O pai de Zack, Billy, disse que embora a história pareça inacreditável, ele e sua esposa, Teresa, testemunharam um milagre quando o filho sobreviveu, após 20 minutos sem pulso. Eles acreditam no relato de Zack.
Relato do adolescente comove. Palavras convictas de quem voltou. 
Billy enfatizou: "Para ele acordar e nos contar algo que ele experimentou, com tanta verdade nas palavras,  não há como duvidar disso". 

A Sra. Teresa concordou com o esposo e disse que Jesus ajudou a retirar o jovem Zack dos mortos. "Estou feliz por Jesus ter decidido deixar o meu bebê voltar", fala carinhosa.

Um relatório nos EUA descobriu que a mente e a consciência da pessoa morta continuam a trabalhar, pelo menos por um curto período de tempo - o que significa que o falecido pode reconhecer sua própria morte.

Na verdade, há algumas evidências que sugerem que a pessoa pode até ouvir sua própria morte ser anunciada enquanto se encontra na mesa do cirurgião.

O Dr. Sam Parnia, diretor de pesquisa de cuidados intensivos e ressuscitação na NYU - Langone School of Medicine, em Nova York, disse que as pessoas na primeira fase da morte ainda podem experimentar alguma forma de consciência, apesar do cérebro perder as funções básicas.

"Uma vez que isso acontece, o sangue já não circula no cérebro, o que significa que a função do cérebro para quase que instantaneamente”, explica.

"Você perde todos os seus reflexos do tronco encefálico - seu reflexo mordaz, seu reflexo pupilar, tudo que se foi".

O Dr. Parnia e sua equipe continuam a investigar a onipresença da consciência, após a morte, com estudos na Europa e nos Estados Unidos, com pessoas que sofreram parada cardíaca, e que tiveram experiência do outro lado da vida.

"Da mesma forma que um grupo de pesquisadores pode estudar a natureza qualitativa da experiência humana do amor, por exemplo, estamos tentando entender as características exatas que as pessoas experimentam quando passam pela morte, porque entendemos que isso vai refletir a experiência universal que todos teremos quando morrermos ".

 Walther Alvarenga


Nenhum comentário