O Mundo Emigrante passa por aqui!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Imigrante com filho com leucemia se refugia em igreja e deportação é cancelada

Berrones e esposa, no interior da igreja, abraça o filho com leucemia
Caso do mexicano Jesus Armando Berrones vira comoção nacional
O mexicano indocumentado, Jesus Armando Berrones-Balderas, conhecido pela Comunidade como Berrones, se refugiou em uma igreja na cidade de Phoenix, no Arizona, quando soube que a Imigração iria deporta-lo. A igreja é o único espaço em que os agentes de Imigração não entram, respeitam o espaço sagrado.
Berrones, que tem um filho de cinco anos com leucemia, supreendentemente recebeu o direito de permanecer nos EUA por um ano em uma base humanitária. Neste período, inclusive, ele poderá trabalhar. Ele tem cinco filhos e a esposa está grávida.
A história de Berrones ganhou projeção nacional no México e nos EUA, em virtude de seu filho, de cinco anos, estar lutando contra a leucemia. O drama enfrentado pela família mexicana sensibilizou a opinião pública.
Emocionado, o mexicano encontrou-se com o filho e esposa, ainda no interior da igreja na cidade de Phoenix, quando fez agradecimentos ao ICE, dizendo que irá respeitar o período determinado para ficar no país.
Entenda o caso – Segundo o advogado de Berrone, Garret Wilkes, o seu cliente mantinha visitas regulares ao escritório do ICE para um “check-in”, a cada seis meses até dezembro, quando soube que seria deportado em janeiro passado.
Wilkes retratou que o mexicano apresentou ao ICE a documentação exigida  para a suspensão da remoção, mas foi informado de que seu pedido tinha sido negado e que seria deportado.
"Nós não obtivemos nenhuma explicação sobre o motivo pelo qual foi negado o pedido. A única resposta que recebemos foi um não", alegou o advogado.
Desesperado, Berrones, que mora no Arizona com esposa grávida e cinco filhos, acabou procurando refúgio na igreja de Phoenix para evitar a deportação. Foram horas de angústia e incerteza.
O advogado acrescentou que a comunicação com o ICE, através do Consulado Mexicano, explicando a situação de Berrone, com o filho doente, fez com que a Imigração cancelasse temporariamente o pedido de deportação do imigrante.
Berrones foi levado do México para os Estados Unidos, pelos pais, quando ainda era bebê, em 1989, segundo relatos.
Walther Alvarenga

Nenhum comentário