O Mundo Emigrante passa por aqui!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Quem assassinou executiva brasileira na Austrália? Corpo encontrado no rio.

Corpo de Cecilia Haddad encontrado por canoístas no rio de Sydney 

Corpo da brasileira encontrado no rio Lane Cove ,em Sydney.

O clima é de apreensão entre os brasileiros em Sydney, na Austrália, com a morte misteriosa da executiva brasileira Cecilia Haddad, de 38 anos. O seu corpo foi encontrado no rio Lane Cove ,em Sydney, no domingo, 29.

Um plano de investigação vem sendo executado pelo departamento de homicídios da polícia do Estado de New South Wales, pois se fala em homicídio, descartando a hipótese de suicídio.

Os brasileiros amigos, e que os que moravam nas imediações onde residia Cecilia Haddad, no bairro de classe média alta Ryde, vêm sendo ouvidos pela polícia local, mas sabe-se que o ex-namorado da brasileira é um dos principais suspeitos.

Polícia australiana investiga morte de Cissa em Sydney
O ex-namorado estava em Sydney no dia da morte e logo depois viajou para o Rio. A polícia australiana está em contato com autoridades brasileiras obtendo mais detalhes.

Segundo amigos, Cecilia foi vista pela última vez na noite de sexta-feira, 27, durante um churrasco e também conversou com amigos por telefone no dia seguinte pela manhã. Depois disso, não se comunicou mais.

Primeiros indícios - A polícia encontrou o carro Fiat 500 Sedan de Cecilia e no rio Lane Cove , canoístas encontraram o corpo, próximo de sua residência no bairro Ryde.

Cissa, como era conhecida na comunidade brasileira, trabalhava como voluntária na instituição de caridade para deficientes Hireup. Seu ex-marido mora no Estado de Western Austrália e foi quem identificou o corpo.

A brasileira vivia na Austrália desde maio de 2007. Foi gerente de operações da mineradora anglo-australiana BHP, sócia da empresa brasileira Vale no empreendimento Samarco.

A morte da brasileira intriga a comunidade e todos, os amigos, falam de uma mulher comunicativa e prestativa. 

Walther Alvarenga




Nenhum comentário