O Mundo Emigrante passa por aqui!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

O que eu sei – e soube – sobre Gugu Liberato!

Gugu foi vítima de acidente doméstico em Orlando

Participei do 'Telegrama Legal' comandado por Gugu no SBT

O que posso dizer sobre o Gugu Liberato é que tive o privilégio de participar do quadro de maior sucesso do programa dele, ‘Domingo Legal’ – o ‘Telegrama Legal’. Foi o auge do apresentador no SBT, quando ele batia o Faustão na Globo quase todos os domingos.

A minha ida para o quadro do programa foi a convite do diretor Walter Vanderley, o Goiabinha, meu amigo particular. Ele apostou no meu potencial e deu certo. Ele me chamou muitas outras vezes para gravar, sempre como repórter das situações mais incríveis.

Na minha participação como repórter, entrevistava celebridades em situação complicada, que caíam nas ciladas que o programa cuidadosamente preparava. Tudo muito bem feito.

Lembro-me que gravei com o ator Alexandre Frota – hoje deputado federal. Nossa, foi complicado, mas hilário. Eu estava entrevistando o Frota na festa de lançamento da revista em que ele era a capa e, de repente um o fã alucinado pegava no pé Frota – um ator contratado.    

Vi o Gugu algumas vezes no SBT, inclusive dei a ele o meu livro quando estava lançando na ocasião, ‘Heaven – Ídolos da Luz’, e foi tudo muito rápido. Devo essa ao Jassa, profissional de grandeza, o preferido de Sílvio Santos, outro grande amigo.  

E quando eu soube do acidente doméstico que vitimou o Gugu – ele caiu de uma altura de quatro metros e bateu com a cabeça na quina de um móvel –, na sua casa em Orlando, na Flórida, senti um calafrio!

Imediatamente liguei para o meu editor em Orlando, e para amigos jornalistas nos EUA, e todos estavam confusos. Na verdade – sendo sincero com você leitor do BLOG – eles já sabiam que o inesperado tinha acontecido, mas pela ética, silenciaram.

Voltei ao programa ‘Domingo Legal’ e lembrei-me do quadro que gravei com a dupla Guilherme & Santiago, e foi um sururu na gravação porque aconteceu um incidente.

Desculpa, , Goiabinha, mas tenho que contar: um dos atores se acidentou. Eu fazia o meu trabalho como repórter e a confusão estava formada. Não sabia o que fazer e o diretor pedia para que eu continuasse.

A minha passagem pelo ‘Domingo Legal’, como repórter do quadro ‘Telegrama Legal’, foi muito valiosa. Primeiro porque conheci pessoas maravilhosas. Devo isso ao Goiabinha – e ele sabe disso!

Também conheci o cantor Robison Anjo e eu tinha a missão de leva-lo para entrevistar em um camelódromo em São Paulo – imagine  e a produção do SBT preparou um cenário incrível, em Santo Amaro.

Colocaram vários camelôs vendendo CDs piratas do Robison – coisa de cinema. O diretor Goiabinha me pediu para que eu entrevistasse o Robison caminhando pelo camelódromo, mas tinha que seguir uma marcação, e só dependia de mim, ou seja, nada poderia falhar.  

Leitor do BLOG foi uma loucura! Quando o Robison Anjo viu os CDs piratas, com as suas músicas, em todas as bancas por onde passamos, ele deu chilique. Queria brigar com os camelôs e eu ali, sabendo de toda a farsa, mas segurando a barra. Inesquecível. Essa gravação envolveu mais de 100 profissionais.

Tenho também que agradecer ao Gugu por isso, pela oportunidade, mesmo porque todos os quadros antes de irem ao ar passavam pelo crivo dele e do diretor geral do ‘Domingo Legal’. E se o Gugu não gostasse, a pauta era derrubada, eliminada do programa.

Uma sensação muito estranha. Algo inexplicável o que aconteceu com o Gugu, mas a vida tem dessas coisas, muitas surpresas! Orações para o Gugu em todo o país! Torcida para a sua recuperação!

Walther Alvarenga

Nenhum comentário