O Mundo Emigrante passa por aqui!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Continua desaparecida médica que denunciou surto do coronavírus em Wuhan, na China.

Dra. Ai Fen desobedece ordens superiores ao denunciar surto em Wuhan  

Dra. Ai Fen, diretora de emergência do hospital Wuhan Central, sumiu.

Em meio aos caos da pandemia do coronavírus no mundo, um fato chama a atenção: o misterioso desaparecimento da médica chinesa Ai Fen - diretora de emergência do hospital Wuhan Central, na China -, que denunciou surto de coronavírus, após ter sido proibida de falar.

A Dra. Ai Fen  quebrou seu silêncio, dizendo ter sido amordaçada pelas autoridades chinesas por acionar o alarme, no início do surto.

Ela disse à revista chinesa People que postou a imagem de um relatório de diagnóstico na rede social WeChat em 30 de dezembro, mostrando que uma paciente tinha uma infecção por pneumonia causada por um Sars-like Coronavírus.

Não é novidade que Wuhan foi o epicentro do vírus mortal que se espalhou pelo mundo, devastando países como Itália e Espanha – atingindo cinco continentes.

Mas aonde está a Dra. Ai Fen? Ela não voltou ao hospital, causando estranheza. Há mistérios que envolvem a pandemia do Corvid-19, relatam os mais céticos.

Lembrando que no mês de dezembro do ano passado, ápice do surto em Wuhan, a Dra. Ai Fen previu a catástrofe e tentou avisar os seus superiores. Foi proibida de falar. E após o lamentável ocorrido, ela desapareceu.  

Acorre que a origem da doença do século situa-se em território de regime totalitário e as primeiras quatro semanas do surto - as cruciais para conter ou não a epidemia - foram alertadas, mas tentaram esconder a situação nos hospitais daquela província.

Médica denunciou

Um grupo de médicos, incluindo  Dra. Ai Fen, tentou que as informações que circulavam entre eles passassem para o exterior.

Desobedecendo as ordens superiores, a médica  tornou a situação pública na revista chinesa Renwu, dizendo que tinha sido silenciada em dezembro de 2019, após alertar os seus superiores para o vírus desconhecido.

Irritado, o presidente da República Popular da China, Xi Jinping, ordenou que a entrevista fosse apagada da Internet e agora o paradeiro de Ai é desconhecido.

Mas a questão é única: qual o paradeiro da Dra. Ai Fen? É o que todos – amigos e colegas de trabalho querem saber.

Walther Alvarenga

#NãoSaiadeCasa

Nenhum comentário