O Mundo Emigrante passa por aqui!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Cresce venda de medicamentos falsificados contra Covid-19 no Senegal

Mercado Keur Serigne Bi, em Dakar, no Senegal

Tratamentos falsificados de cloroquina podem causar "efeitos colaterais graves", alerta a OMS

No Senegal, a busca pelo medicamento hidroxicloroquina cresceu consideravelmente. Também aumentou a venda de medicamento falsificado, colocando em risco à vida das pessoas.

Jovem senegalês, inclusive, oferece no mercado Keur Serigne Bi, em Dakar, o principal mercado informal de drogas do Senegal, remédio contendo cloroquina, a substância ativa usada contra a malária e atualmente testado para determinar sua eficácia contra o Covid-19.

Os resultados oficiais iniciais mostram que a hidroxicloroquina, semelhante à cloroquina, permitiria uma cura mais rápida da doença, que afetou 1.329 pessoas no país e causou 11 mortes em 6 de maio. 

A dificuldade de obter esses medicamentos no circuito formal faz com que cada vez mais senegaleses se voltem para o mercado informal, que representa entre 18 e 22,7 milhões de euros, segundo o sindicato dos farmacêuticos particulares do Senegal. Uma quantia não validada pelas autoridades farmacêuticas.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) permanece cautelosa quanto a esse tratamento, mas especialmente alertada para o aumento nas vendas de medicamentos falsificados que deveriam tratar o Covid-19, especialmente na África. 

Tratamentos falsificados de cloroquina encontrados no Níger, Camarões e República Democrática do Congo (RDC) podem causar "efeitos colaterais graves", alertou a OMS.

Walther Alvarenga

#NãoSaiadeCasa

Nenhum comentário