O Mundo Emigrante passa por aqui!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Brasil reabre fronteiras aéreas para estrangeiros com seguro saúde

Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, reabre para receber estrangeiros


Os passageiros têm de respeitar o período de permanência limitado a 90 dias, provar que não estão infetados com Covid-19, e possuir um seguro de saúde válido em todo o território

 O Brasil volta a permitir a entrada de estrangeiros no país por via aérea. As fronteiras terrestres e marítimas vão continuar, contudo, fechadas. Os passageiros têm de respeitar o período de permanência limitado a 90 dias e de provar à companhia aérea do voo que não estão infetados com Covid-19. É, ainda, necessário possuir um seguro de saúde válido em todo o território.

Após expectativas de estrangeiros para vir ao Brasil, o governo de Jair Bolsonaro decidiu reabrir as fronteiras aéreas do país, após 120 dias com restrições para a entrada de visitantes. Os passageiros têm de respeitar o período de permanência limitado a 90 dias e de provar à companhia aérea do voo que não estão infectados com Covid-19. É, ainda, necessário possuir um seguro de saúde válido em todo o território.

Não há restrições de nacionalidade, podendo qualquer turista entrar no país, desde que atenda as condições pré-existentes de documentação, como passaporte, visto, vacinas e outros, a depender do país de origem e nacionalidade.

Todo visitante estrangeiro terá que apresentar seguro saúde válido pelo período de estadia, o que já era exigido de alguns países, principalmente para pessoas que ficam mais de 90 dias, como estudantes e trabalhadores.

Quanto à entrada no país por via terrestre e marítima ainda há restrições, ou seja, a proibição da entrada de estrangeiros em fronteiras secas e portos será mantida. Poderão entrar apenas estrangeiros que residam no Brasil ou que tenham parentes de 1º grau morando regularmente no Brasil.

Walther Alvarenga

#NãoSaiadeCasa


Nenhum comentário