O Mundo Emigrante passa por aqui!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Mundo ainda assustado com ataques ao World Trade Center no dia 11 de setembro de 2001!

 


E lá se foram 19 anos da tragédia que assustou o mundo! O dia 11 de setembro de 2001 ficou marcado na história com os ataques às torres gêmeas do “World Trade Center (WTC)”, pelo grupo Al Qaeda, em Nova York 


Naquela manhã fatídica, milhares de pessoas perderam a vida – cidadãos no seu trabalho, bombeiros, socorristas e demais pessoas que até os dias de hoje foram dadas como desaparecidas nas explosões.

Os americanos acordavam de manhã para um dia normal de trabalho. Era uma terça-feira comum, acompanhando a rotina do dia a da, até que, por volta de 9 horas, um avião colide contra uma das torres do “World Trade Center”, um grande complexo comercial localizado na cidade de Nova York. Segundo depois, outra aeronave era jogada na segunda torre, provocando o caos.

Foram quatro aeronaves, com passageiros, sequestradas em diferentes pontos dos EUA. Todos ataque controlados por terroristas do grupo Al Qaeda, coordenados por Osama Bin Laden. Dois dos aviões seguiram para as “Torres Gêmeas”; uma aeronave jogada no “Pentágono” e a última, provavelmente, tinha como destino o “Capitólio”, em Washington, mas foi interceptada na Pensilvânia. Os ataques coordenados por Bin Laden, causaram a morte de 2.996 pessoas e deixaram mais de 6.000 feridas.

As “Torres Gêmeas”, de 110 andares e 417 metros de altura, faziam parte do complexo “World Trade Center”, que reunia sete edifícios. Oficialmente, seus nomes eram "World Trade Center One" "World Trade Center Two", os edifícios mais altos de Nova York e o 5º mais alto do mundo. 

Tratava-se de um dos símbolos da cidade, abrigava centenas de empresas e por volta de 50.000 trabalhadores.

No dia 11 de setembro de 2001, terroristas sequestraram dois aviões em Boston, esfaquearam passageiros e provavelmente, mataram os pilotos. Como sabiam pilotar, assumiram o comando da aeronave e mudaram a rota dos aviões dirigindo-os para o “World Trade Center”.

A Torre Norte foi atacada às 08h46. O avião da American Airlines, voo 11, foi jogado na parte mais alta do edifício, atingindo do andar 93 ao 99. Imediatamente, a construção começou a arder em chamas, deixando presas as pessoas que se encontravam dos andares 100 ao 110. As televisões de todo o mundo iniciaram a transmissão do incêndio.

Às 09h03, o voo 175, da United Airlines, atingiu a Torre Sul. Com o impacto e o incêndio provocado pela grande quantidade de combustível, os prédios começaram a arder. Assim, toda estrutura que era sustentada por aço e ferro derreteu, causando seu desabamento. 

A Torre Norte caiu às 10h28 e a Torre Sul, às 09h59, apenas 56 minutos depois da colisão do avião. Calcula-se que 1.355 pessoas morreram na Torre Norte e 630, na Torre Sul. A diferença nos números se deve ao fato que muitos que estavam na Torre Sul decidiram evacuar o prédio após o ataque à Torre Norte.

Pentágono

 Às 09h37, o avião da American Airlines, voo 77, foi usado como arma e jogado no complexo de inteligência militar americana, o Pentágono, no estado da Virgínia. Neste ataque, 184 pessoas perderam a vida. Sete anos depois, foi inaugurado um memorial para recordar as vítimas desta agressão.

Voo 73 da United Airlines


 O quarto avião sequestrado foi o voo 93, da United Airlines. Como o voo sofreu um atraso ao decolar, os passageiros sabiam o que estava acontecendo em Nova York. Os pilotos, inclusive, foram alertados sobre uma possível invasão da cabine. 

Por isso, quando foi anunciado por um dos sequestradores sobre o desvio da rota, alguns passageiros decidem reagir e tentam tomar o controle da aeronave.

Houve luta entre os quatro sequestradores e os passageiros. Um deles estava pilotando e o grupo se dá conta que não chegariam ao alvo. Deliberadamente, eles decidem jogar o avião no campo onde estavam sobrevoando, matando todos os 44 ocupantes.

Walther Alvarenga

 

Nenhum comentário