O Mundo Emigrante passa por aqui!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Casas vendidas por 1 euro em Ilha paradisíaca na Itália. Você se habilita?

A região é conhecida como Ollolai e tem 200 casas abandonadas
Barbagia, na Sardenha, colocou à venda 200 casas abandonadas.
Pode parecer inacreditável, utopia para atrair curiosos, mas o fato é real e vem despertando a atenção de pessoas em várias partes do mundo e, agora, com certeza você leitor do BLOG ficará extasiado. Uma pequena localidade na região montanhosa de Barbagia, na Sardenha, na Itália, colocou à venda 200 casas abandonadas por apenas 1 euro.
É exatamente isso que você acabou de ler: casas por 1 euro. A aldeia – conhecida como Ollolai –, tem pouco mais de 1300 habitantes e oferece beleza, história e tradição.
É preciso investimentos de até 20 mil euros para reforma
O objetivo desta iniciativa tentadora é restaurar, renovar e reutilizar o patrimônio abandonado com novos moradores, gente diferente na região, que carece de estímulos. Então, você se habilita?
Uma oportunidade única – mas não perca tempo porque a notícia está bombando –, dando a chance de você ter uma casa na Itália – muito chique não é mesmo? Pode levar a família, cachorro, papagaio, enfim, quem você achar conveniente.
As casas são de pedra e o comprador precisa manter a tradição local
Estrangeiros já podem adquirir sua primeira residência – ou uma casa de férias – numa ilha que tem muito para explorar, lembrando que as praias ficam a cerca de uma hora de Ollolai.
Mas tem um detalhe importante que você precisa estar ciente: as 200 casas postas à venda a 1 euro estão em mau estado e precisam de obras. Os compradores devem comprometer-se a fazer uma remodelação no espaço de três anos – a estimativa é que terá de investir pelo menos 20 mil euros.
Você poderá escolher a localidade de sua propriedade
Nos últimos 50 anos, a população de Ollolai diminuiu de 2250 para 1300 pessoas, e os bebês nascidos anualmente na localidade contam-se nos dedos da mão. Eles precisam de gente por lá.
Antigamente, Ollolai funcionava como capital da região montanhosa da Barbagia. Hoje, continua a ser o pedaço de terra mais intocado e autêntico da Sardenha. Os labirintos e ruas da aldeia permanecem silenciosos, já que os residentes mais jovens fugiram para as cidades maiores. Abandonadas pelas famílias que as ocuparam no passado, muitas habitações de pedra estão há décadas em ruínas, cobertas de teias de aranha.
Tenha todas as informações do imóvel antes de fechar o negócio
Vito Casula, um empresário italiano reformado, foi o primeiro a adquirir uma casa de dois andares por menos do que um cappuccino. Transformou a nova casa usando materiais ecológicos, mas manteve a decoração original, reciclando móveis antigos.
 Bem, as 200 casas estão lá, aguardando por novos moradores. Talvez seja você leitor do BLOG o próximo comprador. Boa Sorte!
Walther Alvarenga 

Nenhum comentário